27 de dezembro de 2012

Naufrágio - Fotografia de Francisco Bom
Passada a tormenta
e os navios se foram...
com a beleza inexata,
própria dos naufrágios.
Foram-se como peixes
que apenas saltam
para não respirar um pouco
mas depois voltam ao seu lugar essencial.
Só que piores.

Não há sede capaz

de subornar o oceano.

Cada água é um exemplo
.