16 de março de 2012

O CALOR

Miguel d'Hera - Desintegração do Sol

Estufam desertos na veia.
Canícula! Candeia!
Encontra o sol a estrela Síria.
O calor se amontoa nas vontades;
Deseduca a pele do dia.
Embaçam os olhos dos
espelhos.
Vermelhos redobrados
infestam-se de profecias.
Prefaciam o inferno.
Dorme...

                Hefestos...

Nenhum comentário:

Postar um comentário