19 de novembro de 2010

Andaimes

  Paulo César


Em caminhos expostos
reverter meus ossos.
Insondáveis perímetros 
arrancam-me.
Trazem-me.
De onde para onde...
não sei.

As fraturas do tempo
não devolvem os andaimes.
Elas semeiam.